sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Caminhos

A vida é feito de opções, de escolhas... de pequenos momentos que se transformam em grandes mudanças.
Gosto de observar esses instantes, de os estudar com o olho clínico de quem sabe que no momento que perde o controle tudo se transforma de uma forma que nem sempre conseguimos acompanhar.
Já vivi alturas descontroladas de mentes iradas onde tudo me fazia confusão, onde me sentia a dona de um teatro de marionetas que comandava a meu belo prazer!
O poder tem dessas coisas, é sedutor... e eu gosto do jogo da sedução é inebriante, dá uma sensação de falso comando que nos é arrancado das mãos quando menos esperamos!
Dizem-me que controlo demasiado as coisas, eu digo que no momento que ceder ao descontrole que me sussurra tantas vezes aos ouvidos não vai ser bonito de se ver.
E é tão difícil de manter...sei que não sou fácil de lidar, que no meio dos risos e das gargalhadas dispo a alma de quem estou e depois o efeito surpresa é perdido, a vida perde o gozo... mas gosto tanto quando me surpreendem mesmo que o façam de uma forma negativa!
Nestes últimos tempos tive a sorte de me ter acontecido por duas vezes, em duas situações tão opostas que podiam ser de continentes diferentes!
E as duas? Duas doces surpresas.
Julgar que somos conhecedores do mundo é ter o caminho aberto para que nos atirem com um piano aos cornos e nos gritem um wake up call... confesso que adoro!
Nada como ficar abananada mesmo que por breves instantes, prendemos os pés ao chão, ganhamos em humildade mas mais que isso...nós os cépticos da humanidade podemos por segundos pensar que ela não esta tão má assim!
E só por isso, digam lá que não vale a pena!
BTW: Amanha é dia de coça, 2h30 com pretensão a ser mais tempo ainda de combat, prometo que depois vos conto tudo!
Namasté


10 comentários:

Anónimo disse...

"A vida é feito de opções, de escolhas... de pequenos momentos que se transformam em grandes mudanças." isso é tão verdade... e quando faço as minhas opções faço-as sempre com ponderação.. com alguma cautela... mas elas rapidamente se tornam em algo.. se prendem em algo... se é bom ou mau? pois... no início do ano pedi por uma mudança. e agora que o ano está quase a chegar ao fim vejo que depois de muitas voltas continuo no mesmo sitio... se fiz as melhores opções? provavelmente não e mais uma vez me espatifei.... mas é bom saber que as surpresas boas podem acontecer.. ainda que em alguns momentos nos pareçam apenas miragens que só os outros conseguem tocar....
beijinhos grandes e bom combat
OlgaM

AC disse...

A vida gosta de nos abanar de vez em quando e quando pensamos que controlamos tudo percebemos que afinal controlamos só o que ela nos deixa subtilmente fazer.

Beijo e boa coça... Lutadora.

Lynce disse...

Podes não ser "fácil de lidar" mas ainda assim eu quero conhecer-te melhor...de resto és uma mulher sedutoramente interesante.
Gosto muito de ti, nuna esqueças isso.
Beijinhos e bom fim-de-semana!

Observador disse...

Será que por esta altura (16:20) já levaste a coça?

Beijo retemperador.
:)

Utena disse...

Olga,

Saber que a vida o que nos tira dá e que temos de ter fé e coragem é saber que tudo se consegue com perseverança.
Estou sempre por aqui.

Beijos

Utena disse...

AC,

Sim é isso que faz com que nos tornemos no que somos.

Foi uma óptima coça foi.

Beijos

Utena disse...

Lynce,

Sempre tão dedicado e querido.

Beijo enorme

Utena disse...

Observador,

Já a tinha levado já!

Beijos

FireHead disse...

É simplesmente impossível controlarmos e sabermos tudo. Somos humanos, afinal de contas. ;)

Utena disse...

Fire,

Verdade que sim!
Mas há quem tenha a mania que não