sexta-feira, 8 de março de 2013

E dizem que é dia

Para mim não existe o dia de... existe a vida!
Todos os dias são dias, todas as horas são horas!
A todas vocês o meu obrigada por lutarem em todos os minutos e por me permitirem dividi-los convosco.
Das lutas nas urgências da AC, as derrapagens da lama da Vera passando pelos loucos desavindos da Pseudo ou das frases deliciosas da Suri... ai e as músicas da Ni.
E fora deste mundo virtual agradeço as coças da Carla, as risadas da Ana... 
Mas obrigada a vocês gajos também pelas sorrisos que me deixam quando passam por cá, seja para me deixarem um beijo reclamando que falta algo para vocês não é JP, as frases que me deixam a pensar do L'Enfant ou mesmo a troca acesa de ideias com o Fire... e as saudades que me deixam os textos do Álvaro e as refrescantes palavras do Martini... 
E no meu mundo o carinho do Dom o menino que quebrou a armadura.
Por isso não se prendam a dias...vivam os minutos eles são únicos na sua simplicidade e só por isso?
Valem toda a pena do mundo!
Namasté

10 comentários:

dom disse...

" ...e quando pensares que não és nada do mundo, lembra-te que és o mundo de alguém !! "

:)

<3

Utena disse...

Dom,

Verdade!

=)

JP disse...

Não é nada comigo, mas gostei da frase do Dom....

Não vou reclamar da factura não, fica descansada. Foi um clic que nunca mais fixou:))

Utena, agora a sério: A vida é importante. A mulher também. Como o homem. O que se assinala são conquistas importantes, direitos que alguém lutou. Só vejo esta data por isso. Agora, na expressão feliz de um amigo (ou amiga, já nem sei) alguém canabalisou esta data. E assim as coisas tornam-se diferentes, porque acho que a mulher não precisa de dias especiais para se afirmar...seja no que for. Como o Homem.

A vida sorri pelo que somos.

Beijo

Utena disse...

JP,

Ai esses teus cliques =)
Enquanto houver no mundo necessidade de dias especiais para comemorar o que não deve ser comemorado muita coisa ainda tem de mudar no mundo.

Beijo

AC disse...

Dia da mulher são todos os dias, felizmente nunca senti qualquer tipo de discriminação por ser mulher, por isso não concordo com esta de haver dias de qualquer coisa... mesmo que sejam de uma discriminação positiva.

Obrigada pelo teu gesto, fico por aqui porque gosto do que leio e do que sinto que és...

Beijo Ruivinha

Emilie disse...

Essa coisa de haver de dias para tudo... O importante são os momentos, eles sim fazem a nossa história! :)

No final é tudo o que lembramos :)

Gostei do teu textinho, Utena :)

Um beijinho*

Utena disse...

AC,

Sei que sim tal como sabes que o gesto é sentido e apenas o disse porque o sinto.

Beijos

Utena disse...

Emilie,

Bem-vinda e obrigada.
Sim a verdade é mesmo essa os sentimentos e as vivências é o que levamos do mundo.

Beijo

FireHead disse...

Troca acesa de ideias comigo? Também não podemos gostar todos do mesmo porque senão como é que seria este mundo? ;)

Beijinhos.

Utena disse...

Fire,

Verdade.
Mas que nos desentendemos lá isso desentendemos?

Beijo