terça-feira, 7 de junho de 2011

Este tempo deixa-me... Outonal!

No entardecer da terra
O sopro do longo Outono
Amareleceu o chão.
Um vago vento erra,
Como um sonho mau num sono,
Na lívida solidão.

Soergue as folhas, e pousa
As folhas, e volve, e revolve,
E esvai-se inda outra vez.
Mas a folha não repousa,
E o vento lívido volve
E expira na lividez.

Eu já não sou quem era;
O que eu sonhei, morri-o;
E até do que hoje sou
Amanhã direi, quem dera
volver a sê-lo! ... Mais frio
O vento vago voltou.

(Grande Fernando Pessoa... Mas se não se importam aí em cima... mandem vir o Verão outra vez... sim? Agradeço desde de já a boa vontade)


  

10 comentários:

Anónimo disse...

Que poema maravilhoso... gosto muito de fernando pessoa... um homem à frente do seu tempo...

Adorei a montra e os modelitos que elaboraste :-) muy bien

Subscrevo as tuas palavras: SIM QUEREMOS O VERÃO, queremos o calor e o sol de volta :-)

Olga M

Utena disse...

Olga,

Pessoa era alguém que nasceu antes do seu tempo... uma visão maravilhosa... com ideias avançadas e com muito sentido!

Gracias pelo elogio (sócia :P) ainda bem que gostaste!

Já agora junta a tua voz a minha e pede o verão se faz favor!

Beijinhos

Coisas de Feltro disse...

Pois também quero o verão.

Até Fernando pessoa compreenderia isto.
Bjs.

Utena disse...

Coisas de Feltro,

Pessoa compreendia e aceitava isto e mais =)
Maldito São Pedro que não para de brincar com os botões do tempo

CF disse...

Outonal???
com uma montra destas!!!??? lol
Muito bom gosto...tens de fazer alguma publicidade ao teu espaço...
um dia destes vou a Lisboa (se não me engano????) e ainda te visito..olha que tenho acordo com o S. Pedro e confabulo com Pessoa ao ler o seu dasassossego e posso tratar de pedir um acordo aceitável a ambas... que tal um desconto??? (lolololol)
bjs

Rafeiro Perfumado disse...

Sim, venha o verão pois os incendiários estão a ficar à beira de um ataque de nervos, sem saberem o que fazer!

Beijoca!

Utena disse...

CF,

Está feito o contracto trata lá se chegar a um acordo entre as partes e tens direito ao desconto!
Sim o meu cantinho é em Lisboa... na zona junto ao mar!

Beijinhos =)

Utena disse...

Rafeiro,

Foste tu lembrar-te de corrida junto a praia? Não!
De banhos salgados e cheiro a pêlo molhado? Não!
Só te lembras de desgraças irra!
Deixa lá os incendiários quietos!

=)
Beijinhos

Rafeiro Perfumado disse...

Tens toda a razão, é a minha tendência natural para avacalhar os pensamentos poéticos. ;)

Utena disse...

Rafeiro,

Deixa lá por isso é que eu gosto de ti.
=)