sábado, 4 de fevereiro de 2012

Duas verdade inegáveis da nossa desgovernamentalização

Falta acrescentar que o Lousã estaria com aquele ar de quem bosta debaixo do nariz a criticar o trabalho de todos sem fazer nada!

E a pedir ajuda a UE para ter os meios para a importar também

22 comentários:

Pretty in Pink disse...

AHAHAHAH completamente! Eu estou me a rir mas devia era estar a chorar que o nosso querido país está cada
vez pior...

Beijinho*

Utena disse...

Pretty,

Se as lágrimas ajudassem neste momento este país era a piscina da Europa.
Deixa lá já chega de sermos os desgraçadinhos dos fados... o melhor é rir.

Beijinhos

Von disse...

Eu divido o meu trabalho entre Portugal e a Dinamarca. E agora perguntas tu, és emigrande Von? Não sei...Trabalho numa empresa familiar que tem sede na Dinamarca e escritórios em Portugal...se juntarmos a isso a minha dupla nacionalidade, uma vez que o meu avô era dinamarquês...sou o quê? Mas uma coisa eu gostaria, que a maioria dos portugueses tivessem, um bocadinho, mas só mesmo um bocadinho, a mentalidade dos nórdicas...

Gostei muito do teu post, pois considero que a emigração não é solução. Mas também penso que, é preferivel trabalhar lá fora, do que não ter aqui emprego nenhum.

Utena disse...

Von,

Meu querido eu nada tenho contra a emigração, já que estive 7 anos em África, e sei bem as dificuldades que existe quando trabalhamos no exterior.
O que me custa é ver o nosso país dar mais valor aos emigrantes que aos portugueses.
Lá fora querias comer pagavas, querias casa arrendavas... querias dinheiro trabalhavas aqui tudo vive a conta do rendimento.
E antes que digas eu sei que existem excepções.
O que me custa é a facilidade com que dizem isso, como se fosse o mais fácil do mundo sair do país e ir para fora trabalhar.
Não sabem aproveitar o que temos então? Vai embora quem trabalha e fica quem coça os tomates.
BTW eu também tenho costela Alemã... acredita sei bem ao que te referes.

Anónimo disse...

Oh nãoooooooooooooo, mais um jogo facebookianoo nãaooooooooooooo, lollolol
A solução não sei qual será Utena, mas rir nunca prejudicou, muito pelo contrário :) Continua sempre a sorrir e de mangas arregaçadas, porque nunca nada nos caiu no colo e nós as duas nunca virámos a cara à luta e às dificuldades!!
Beijos grandes,
OlgaM

Utena disse...

Olga,

O cromo anda por aí mulher...
E nós nunca gostamos de facilidades por isso agarramos o touro pelos cornos.

Beijos Sis

Inês Chaiça disse...

Muito obrigada, a sério! Adorei o postal.
Quanto ao post.. Fartei-me de rir!

ecoutemoiregardemoi.blogspot.com

Utena disse...

Inês,

Fico feliz por teres gostado...


=)

Catarina disse...

Muito bom Ruivinha, já dei a minha gargalhada blogótica de Sábado :D*

Utena disse...

Catarina,

Só por isso já valeu a pena =D

Nokas disse...

Ahaha, mas é que era mesmo assim :)

Utena disse...

Nokas,

Infelizmente =)

Von disse...

Minha querida e doce Utena:
Eu percebi o teu post e concordo com ele, mas é importante percebermos que, quando um país não dá ao seu povo as condições minimas de sobrevivência, o melhor que se tem a fazer é procurar saídas noutros países. Se calhar, estou errado, mas é a minha visão das coisas.
Beijinhos e bom domingo.

Utena disse...

Von,

Pronto só por causa desse teu "doce e querida" já me deixaste aqui "rendida" =)
Sim eu sei que sim... procurar o que é melhor para nós deveria sempre ser o principal móbil...
O problema é o conformismo

Beijo e bom domingo

Von disse...

Hauuu... menina também gosta de meiguices...
:))

Utena disse...

Von,

E quem não gosta?
E a realidade? Quem é mais forte... mais precisa... só não pede
=))

Von disse...

Exactamente. Todos gostamos de uns miminhos, querida...

Utena disse...

Von,

O problema é que andam em extinção lol

Olívia Palito disse...

Uma verdade incontestável... :P

Beijinhos grandes, minha riqueza*

Utena disse...

Olívia,

Pois cada dia me convenço mais disso...
Uma tristeza...

Beijinhos

FireHead disse...

Volta, Salazar... :)

Utena disse...

Fire,

Que está perdoado