quarta-feira, 9 de maio de 2012

Entrega

Intenso, poderoso... de tirar o fôlego... entrega sem limites, sem entraves... sem porquês... sem perguntas.
Apenas dois corpos que se tocam e se abraçam onde por instantes as almas ficam à distancia de um toque desde de que sincero e sedutor.
Abertura da alma que se sente no sussurro de quem nos abraça... no bater do coração que se ouve através do fino tecido de uma camisa. O suave toque... o arrepio que se arranca quando nos aventuramos suavemente pela pele de quem nos faz sentir por instantes alheia do mundo... envolta numa penumbra onde apenas se vê...se cheira... se sente quem nos têm nos braços.
Poderoso sentimento que nos arrebata... nos tortura... nos impede de sentir o calor que nos invade sem a presença dos tecidos que nos envolvem...
Valiosa entrega onde o corpo todo se toca... os olhos se encontram... as bocas se entrelaçam... a mente se desliga, numa troca de sensações onde ninguém ganha...mas onde tudo se diz sem a pronuncia de uma palavra...
Infelizmente são raros os abraços que nos fazem sentir assim alheias do mundo... intensas no instante que nos arrebata os sentidos...
Hoje sinto saudades desse momento...
(Tenho mesmo de voltar as vitaminas a ver se isto passa... o bom é que o sol esta a chegar...)

18 comentários:

Anónimo disse...

Tenho saudades desses abraços que, com a pessoa certa, são inesquecíveis...tornam-se uma droga... tornam-se tão importantes como o ar que respiramos!
São uma armadura que nos protege do mundo lá fora e são o nosso próprio mundo e a banda sonora é o bater do coração dele que te embala quando fechas os olhos e te abandonas no calor do seu corpo....
Não tomes as vitaminas esse é um sentimento bom, o reviver momentos, o sentir saudades.
beijinhos grandes,
OlgaM

Utena disse...

Olga,

Tomo sim... certos sentimentos não devem ser deixados assim... certas lembranças não devem ser revividas...
Certos sentimentos são intensos demais para serem sentidos.

Beijos

FireHead disse...

Parece que andas a viver o passado assim, ruivinha. Ao vivermos o passado deixamos simplesmente de viver partes do presente e o tempo uma vez desperdiçado jamais será recuperado.
Um dia hás-de ter os tais abraços que te farão sentir alheia do mundo e de tudo o resto, perdida na eternidade e a cada instante. :)

foxos disse...

Larga é as vitaminas de vez! Isto assim com tons de "vermelho" tem mto mais piada :p

Sérgio Saraiva disse...

Hum?... Estás com saudades de ser abraçada?

Martini Bianco disse...

Escrito assim é uma entrega poderosíssima e toda a gente merecia se entregar dessa maneira, esperando reciprocidade do outro lado.

Beijos

Enigma disse...

Como eu gosto da tua entrega...
por momentos deixaste-me a pensar...
é bom quando nos entregamos por algo que vale a pena

beijinhos...

Nokas disse...

Delicia :))

Utena disse...

Fire,

Passado?
Por ter saudades de sentimentos que se sentem na intensidade do que somos?
Nada disso.

Beijos

Utena disse...

Foxos,

Nem sempre se pode a janela da censura descer.

Beijos apimentados

Utena disse...

Sérgio,

Mais com saudades de ser arrebatada

Utena disse...

Martini,

Para mim este é o verdadeiro sentido da entrega

Beijos

Utena disse...

Enigma,

Deixei-te a pensar? Isso é bom ou mau?
Eu sou assim... quando me entrego é a valer...

Beijos

Utena disse...

Nokas,

=))

Beijinho

MisterCharmoso disse...

Que abraço tão intenso....Faltou a tua pergunta no ultimo post la no blog

Utena disse...

Mister,

Os abraços são assim... únicos.
A pergunta eu faço em privado... um dia destes

Enigma disse...

Bom muito bom:):)

beiiijo...

Utena disse...

Enigma,

Sendo assim fico contente

Beijos =))