domingo, 13 de outubro de 2013

O meu refugio

Deixem que vos apresente o meu refugio... onde me encontro com a história e onde a minha fica sempre mais brilhante!
Gosto de passear por lá, quando a chuva cai e os visitantes se refugiam, quase que me faz sentir isolada do mundo... num só meu!
Aqui é onde eu sinto que é um local onde as memórias de tempos passados se fundem com o presente... e onde cada suspiro se torna num segredo. 
E acreditem que se torna, que cada pedra... cada folha... tem algo a dizer, basta saber ouvir!
Sabem onde fica?
Namasté
PS: Sim a foto é minha... tirada e trabalhada por mim! 

8 comentários:

dom disse...

É especial, sente-se a energia, sente-se quem lá esteve e quem ainda passeia por lá, quem ainda se encontra perdido e quem se encontra.
É um lugar especial...com chuva tudo se torna mais vivo, tudo fala, tudo vive...sem gente fica povoado :)

Só quem sabe é que entende.

gosto muito...perco-me por lá muitas vezes.

Beijos,
Dom

Utena Marques disse...

Dom,

É isso mesmo... só quem sente é que entende!
Basta saber ouvir com alma!

Beijos

JP disse...

Também gostava de ter uma máquina dessas...além da beleza da imagem, a propriedade concedida :))

Mas imagino que sim, seja um local sedutor. Ali para os lados do Estoril?

Beijinho

Adriano Levi disse...

É muito bonito; o Byron (poeta), tb gostava. Eu gosto, mas já uns tempos grandes que não visito Sintra. Agora prefiro montanha!
Bjo

Utena Marques disse...

JP,

Mais para os lados de Sintra!
Quinta da Regaleira mais precisamente!

Beijinho

Utena Marques disse...

Adriano,

Sim era um local preferido dele!
Também gosto embora este local seja um dos meus pontos de encontro comigo mesma!

Beijinho

Anónimo disse...

Sintra sempre foi um lugar especial e a Quinta da Regaleira um mundo à parte sem duvida... sente-te a energia, as vibrações... é muito bonito mesmo.... tambem gosto muito de me perder por lá....
beijinhos,
OlgaM

Utena Marques disse...

Olga,

É sem dúvida um local onde coisas acontecem e muita coisa muda!

Beijos