quarta-feira, 6 de novembro de 2013

Eu e os telemóveis

Sou gaja e por conseguinte gosto de coisas fashion! Aliás gosto de telemóveis XPTO e estou muito feliz com o BB (prenda do meu gajo). No entanto não posso deixar de constatar que para onde se olha se vê gente agarrada a ele!
Aliás chega a ser o cumulo de estarem frente a frente num restaurante, pais...namorados...casais...amigos e em vez de usufruírem da companhia uns dos outros lá estão "alancados" à maquineta!
É nestas alturas que me questiono se a febre das máquinas não estará a absorver a já inexistente humanidade...
I wonder!

8 comentários:

Anita disse...

OLÁ, OLÁ.
NAO TE ESQUEÇAS DE ME ENVIAR EMAIL COM OS TEUS DADOS, MORADA E NOME DO BLOG.
FICO À ESPERA.
BEIJINHOS.

Anónimo disse...

E os nervos que dá estares a tentar falar com uma pessoa que nao larga a porcaria do telemovel?????
xiiiiiiiiii..... nem queiras saber.... são objetos uteis, mas somos nós (humanidade) que determinamos o seu uso....
beijinhos grandes,
OlgaM

Pretty in Pink disse...

Eu tambem ja tinha reparado nisso...é por isso que tento sempre por o tele de lado quando estou com companhia não se justifica estar agarrada ao tele =)

Beijinho*

JP disse...

É, a febre está cada vez a ser demais. Uma desumanização completa.

Em casa, à mesa, não há telemóveis.

Beijo

Utena Marques disse...

Anita,

Minha culpa, já tratei de enviar.

Desculpa e beijinhos

Utena Marques disse...

Olga,

Sem dúvida e já vivemos sem eles... logo saber controlar o seu uso é o certo.

Beijinhos

Utena Marques disse...

Pretty,

Consegue-se ver um mundo totalmente diferente quando se ergue o olhar do monitor e das teclas acredita

Beijinho

Utena Marques disse...

JP,

Para mim nem telemóveis, nem televisão!
Na mesa é tempo de família e ponto final!

Beijo